18.12.15

E

Da palavra cadê eu gosto
não tem tradução possível pra minha língua morta
cadê? Perdi a estrada faz tempo e nunca voltei
chato olhar o dia todo a vida passar
ligado no vento e ás vezes fome falsa
então pega uns pila e compra um cachorro,
greve, centrão e milhões de cigarros fumegantes a beiços e unhas

é janeiro de calor filho duma égua
longe da ideia de tomar banho, cadê razão moleque?
fica olhando o tele jornal e achando que uma vez
deu vontade de sair batendo papo de Brasil Urgente
alucinado e lembrando dos goles que errou

No hay comentarios:

Publicar un comentario

Favor combatir la idea y no al mensajero, gracias!